Notícias Fecomercio

15 de maio de 2018

Setor de serviços brasileiro recua 0,2% e acumula queda de 1,5% no trimestre, diz IBGE


No acumulado em 12 meses, índice está negativo desde junho de 2015

O setor de serviços brasileiro recuou 0,2% em março na comparação com fevereiro, segundo os dados divulgados nesta terça-feira (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação com o mesmo mês do ano passado, a queda foi maior (-0,8%).

No acumulado do primeiro trimestre, o índice caiu 1,5% na comparação com o mesmo período de 2017. No acumulado em 12 meses, o indicador está negativo desde junho de 2015, e encerrou março com recuo de 2%.

Entre os cinco setores pesquisados, três registraram queda. O maior recuo foi verificado nos serviços profissionais, administrativos e complementares (-1,8%); seguido por transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio (-0,8%); e outros serviços (-0,4%). Por outro lado, tiveram alta os serviços de informação e comunicação (2,3%) e os serviços prestados às famílias (2,1%).

 

Voltar para Notícias